Amada Imortal [Trilogia Amada Imortal #1], de Cate Tiernan

| 8 de dezembro de 2013 | 0 Comentários

Capa do Livro Amada ImortalAmada Imortal é o primeiro livro da trilogia de Cate Tiernan ela conta em 279 páginas uma historia de surpreender. Nastasya é uma imortal que vive uma vida bem badalada junto de seu fiel amigo Innocencio e juntos eles vivem da maneira que bem entendem até que um dia Nastasya presencia um seu melhor amigo matar um homem inocente. Isso meche com Nasty (como é chamada várias vezes no livro) E a faz pensar na sua vida fútil junto de Incy.

“Já aconteceu de você estar seguindo em frente, vivendo sua vida, vivendo sua realidade e de repente, acontece uma coisa que parte seu mundo ao meio? Você vê ou ouve alguma coisa e de repente, tudo o que você é, tudo o que está fazendo, se estilhaça em mil pedaços graças a uma amarga percepção?”

Assim começa o livro já contando um pouco sobre a decepção de Nasty com sua vida mas o grande mistério ainda está por vim… Como Incy matou o motorista sem nem toca-lo? Isso a faz pensar em sua imortalidade e todos os poderes que vem com ela como a Magick (Magick, o mesmo que magia, é um termo utilizado por ocultistas e não deve ser confundido com mágica ou truques. Antigamente chamada de Grande Ciência Sagrada, Magick é uma ciência oculta que estuda os segredos da natureza e sua relação com o homem).

“Onde Incy aprendeu aquele feitiço? Sim, somos imortais, temos magia correndo nas nossas veias, mas é preciso aprender a usar. Ao longo dos anos, conheci pessoas que se dedicavam arduamente a estudar magick, a aprender feitiços, a aprender o que fosse preciso para fazer uso dela. Mas concluí muito tempo. Já tinha visto a morte e a destruição que a magia podia causar, já tinha visto o que as pessoas estavam dispostas a fazer por causa dela, e não queria envolvimento algum com isso.”

Nasty que nasceu em 1551 ainda tinha uma aparência jovem de uma adolescente de 16 anos e tinha uma queimadura de sua infância quando presenciou sua família morrer ainda muito criança Nasty foi a única sobrevivente da Casa de Úlfur e isso levaria ela grandes aventuras. Nasty então decide deixar sua vida com Incy e partir para novos horizontes e vai parar no centro de reabilitação para imortais onde é a casa de River lá encontra pessoas magnificas e aprende a viver de uma maneira mais saudável comparada ao que sua vida estava se transformando antes mas também encontra vários mistérios e um deles é Reyn um Deus Viking e suas vidas estão entrelaçadas de alguma forma. River ajuda Nasty a ser quem verdadeiramente é, a única herdeira da casa de Úlfur junto de sua herança um colar partido ao meio e Nasty vai descobrindo sua verdadeira historia.

“Ninguém sabe, falei para mim mesma de novo. Eu nunca tive que contar para ninguém, e ninguém jamais saberá. Eu era a única pessoa viva que tinha visto aquilo, visto minha mãe e meu irmão matarem um homem, visto a cabeça do meu pai rolar pelo chão. Eu era a única pessoa viva que sabia eu era a única sobrevivente da casa de meu pai, que a magick dele estava enterrada em algum lugar bem fundo em mim. Enquanto ninguém soubesse, ninguém viria atrás de mim e ninguém tentaria tirar minha força. Era meu segredo.”

Essa frase particularmente me fez comprar o livro no qual me surpreendeu bastante. Descobrir juntos toda vida e segredos de Nasty e seu amor por Reyn e sua amizade com Incy. O primeiro livro da saga é magnifico mas o segundo é ainda melhor “Cair das Trevas” Quando tudo já está no seu devido lugar Nasty descobre verdades sobre Incy seu fiel companheiro não é bem fiel… Mas isso é outro livro e outra resenha. Então que tal descobrir os mistérios de Nasty?

VEJA TAMBÉM

No mundo da Luna, de Carina Rissi Luna Braga acabou de se formar em jornalismo e trabalha de recepcionista na revista Fatos&Furos. Além de odiar seu emprego, ela odeia seu chefe, o grande redator-chefe Dante Montini, que sempre diz seu nome errado. Quando um dos jornalistas sai, Dante pede para Luna assumir o horoscópio da revista....
The following two tabs change content below.

Leticia Salin

Olá sou Letícia Salin e tenho 17 anos. Os livros fazem parte de mim e acredito que um mundo sem livros não iria ser absolutamente nada. Gosto de café, silêncio, Legião Urbana, Bon Jovi, Elvis Presley, Led Zeppelin, Café, Mitologias, Astronomia, Livros e mais livros.

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Categoria: Cate Tiernan, Fantasia, Romance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *