Asylum, de Madeleine Roux

| 28 de julho de 2016 | 0 Comentários

AsylumPara Dan Crawford, 16 anos, o New Hampshire College Prep é mais do que um programa de verão – é uma tábua de salvação. Um pária em sua escola, Dan está animado para finalmente fazer alguns amigos em seu último verão antes da faculdade. Mas, quando ele chega no programa, Dan descobre que seu dormitório para o verão costumava ser um sanatório, mais comumente conhecido como um asilo. E não apenas qualquer asilo — um último recurso para criminosos insanos. À medida que Dan e seus novos amigos, Abby e Jordan, exploram os recantos escondidos de sua casa de verão assustadora, eles logo descobrem que não é coincidência que os três acabaram ali. Porque o asilo é a chave para um passado terrível. E existem alguns segredos que se recusam a ficar enterrados.”

 

Asylum, de Madeleine Roux, é um livro de mistério e drama, com uma boa dose de terror psicológico.

Dan é estudante e acabou de chegar a New Hampshire, na região da Nova Inglaterra, para fazer um curso. Lá, ele arruma amizade com Abby e Jordan e começa a pensar que o curso seria uma ótima oportunidade de conhecer pessoas novas e que, assim como ele, gostavam de estudar. Porém, assim que ele chega ao seu quarto, ele encontra uma foto de um homem, mas os seus olhos foram rabiscados. Felix, seu companheiro de quarto, contou que tinha ido a um escritório abandonado no primeiro andar do alojamento e que lá tinha foto como aquela. Curioso, Dan chama seus amigos para visitar a tal sala e procurar por mais fotos. E o que ele encontra lá, é um mistério que o deixa totalmente obcecado, colocando em risco o seu psicológico, sua vida e a dos seus amigos.

“– Se você me permite terminar o que eu estava dizendo… – falou Felix sem se alterar, e ainda fez outra pausa, criando um clima dos mais constrangedores. – Eu estava dizendo que isso me lembrou das fotos que vi lá embaixo.

– Sério? Como assim?”

O livro é bem bacana. Todo esse lance de brincar com a mente das pessoas, fazendo com que elas achem que estão malucas é algo bem louco. Chega a ser até um pouco clichê, mas o diferencial que esse livro trás é somente a jogada psicológica.

“- Jordan, para com isso! – reclamou Abby, revirando os olhos. – Esse é o Dan. Dan, esse é o Jordan, e eu garanto que ele não é um cretino.

– Não mesmo – confirmou Jordan. – Só um babaca. E então, Dan? Já se sente em casa no acampamento dos geeks?”

Sobre os personagens: eu, particularmente, me identifiquei muito com o protagonista, Dan. Ele é tímido, introvertido, meio nerd e meio louco também. Mas eu sentia muita raiva dele. Sabe daquelas cenas, em que o mocinho escuta um barulho na cozinha e, em vez de fugir, vai atrás da origem do som? Então. Acontecia mais ou menos isso com o Dan. Sempre. E com a Abby também, que às vezes chegava ser mais teimosa que Dan. Jordan era o único que não tinha perdido completamente o juízo. O que não significa que ele seja meio louco também. Principalmente na parte em que acontece um assassinato no Brookline e ele vira um aficionado por matemática. Fazer o quê?

“Foi quando uma mensagem não lida na pasta de enviados chamou a atenção de Dan. Aquilo era… Estranho. Como poderia haver uma mensagem não lida na pasta de enviados? Se foi ele quem escreveu e enviou a mensagem, como poderia não tê-la lido?

Dan clicou na pasta e teve tempo de ler o título do e-mail – ‘RE: Sobre sua pergunta a respeito do paciente 361’ – antes que uma mensagem de erro aparecesse na tela e a seta do cursor se transformasse em um movimento circular eterno.”

Digamos que o que eu mais gostei no livro foi esse lance de mexer com o psicológico, como já deixei bem claro. Mas ele não traz mais nenhuma novidade, em termos de enredo, personagens, entre outros, isto é, não traz nada que te faça ficar “apaixonada” pelo livro.

O livro é bem ok e sim, você fica com vontade de descobrir o que vem a seguir, mas nada além disso.

Nota: 3/5

____________________________________________________________________________________

Outros títulos da série “Asylum”

  • Escape from Asylum – vol. 0.5 (não tenho certeza se já foi lançado aqui no Brasil)
  • Asylum – vol. 1
  • The Scarlets – vol. 1.5
  • Sanctum – vol. 2
  • The Bone Artists – vol. 2.5
  • Catacomb – vol. 3
  • The Warden – vol. 3.5

Procurei por mais informações sobre esse livro e não encontrei muita coisa. O que eu sei é que Sanctum já foi lançado no Brasil. Sobre Escape from Asylum e The Scarlets, acho que não lançaram ainda. E The Bone Artists está disponível para compra do e-book em inglês pela Saraiva.

The following two tabs change content below.

Gabrielle

Gabi Gomes - amante de livros, da boa música e do bom café. Tímida, introvertida, introspectiva e derivados. Não, não sou antissocial, embora eu diga (só pra pararem de perguntar).

Últimas Postagens de Gabrielle (Ver todas as publicações)

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Tags: ,

Categoria: Drama, Terror

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *