Clara dos Anjos, de Lima Barreto

| 3 de janeiro de 2017 | 0 Comentários

Capa do Livro Clara dos Anjos

Clara dos anjos é um livro póstumo, concluído no ano em que o autor morreu (1922) e foi publicado em 1948. Passado no subúrbio do Rio de Janeiro, o romance conta a história de uma jovem e ingênua mulata chamada Clara, que é seduzida pelo malandro Cassi Jones. Ela engravida e quando é levada a procurar a família de Cassi é humilhada pela mãe do rapaz que se mostra ofendida, porque uma negra quer se casar com seu filho.

É um livro clássico, de um autor de renome nacional conhecido por retratar a vida no subúrbio brasileiro. Lima Barreto descreve a vida e o racismo sofrido por negros e apesar de muitos críticos famosos da literatura afirmaram que ele apenas repassa em suas obras os conflitos e sentimentos de degradação que ele mesmo sofreu, suas obras devem ser ao menos consideradas, em minha opinião, é claro.

Clara dos Anjos é uma típica história de Cinderela que deu errado, a mocinha sonhadora que se perde em delírios amorosos e um príncipe.. que na verdade é um canalha. Entretanto, mais importante que a trama inicial, são seus contornos e reviravoltas. Durante toda história, o autor descreve vários momentos que demonstram o senso comum da época, os costumes e a vida no subúrbio e trechos da cidade.

Seja falando sobre a baixa ascensão social ou sobre as diversas faces de um mesmo personagem, Lima Barreto nos leva a casas simples e modestas da população pobre, explorando as cantigas, o modo de falar e até mesmo dramas familiares comuns as classes desafortunadas do Brasil.

Talvez um dos pontos mais tangíveis da narrativa, é o preconceito racial e social que os negros sofrem e em especial as moças da periferia, que enquanto mulheres já são subjugadas historicamente.

Suponho que um dos pontos que torna essa história tão real e envolvente, seja o fato do próprio autor ser negro e ter sofrido na própria pele as devastações e sofrimentos que são motivados na cor.

Vale ressaltar que o livro deixa claro uma percepção que em muitos casos perpetua até os dias atuais: Independente do homem ser uma pessoa ruim, que engana, mente, trapaceia e por vezes, até rouba e mata. A culpa é dar mulher por se entregar a ele, é ela que deveria se cuidar, se preservar. Alguns valores como a atribuição de caráter sendo relacionada a quantidade de dinheiro é outro conceito que permanece.

Independente das más ações de Cassi, a fortuna de sua família parece mais importante em contrapartida a inferioridade de nascimento de Clara. E ela, assim como, tantas outras moças é humilhada e sofre diversas discriminações por sua gravidez precoce, quando o filho não é apenas dela, mas de Cassi também.

E deste modo, concluo que Clara dos Anjos é um livro relativamente antigo, porém suas temáticas são atuais e continuam tangentes no Brasil. Eu convido você, leitor, a se aventurar por essa história, que pode ser a de tantas outras garotas que vivem nas favelas, com variáveis diferentes, porém com a mesma essência. A subjugação que ela sofre, na qual tantas pessoas julgam garotas como Clara dos Anjos, por isso convido a você a se aventurar no desenvolver de sua história, a começar quando ela era ainda uma garota do subúrbio e não uma mãe.

VEJA TAMBÉM

Casada até Quarta , de Catherine Bybee Após passar por uma longa ressaca literária depois de ler "Corte de Asas e Ruínas" pensei que nunca encontraria algum livro que pudesse tira Feyre e Rhys do meu coração, depois de um tempo cheguei a uma conclusão: Glória, isso nunca vai acontecer ! Mas por outro lado pensei : "Meu, eu não vou ficar...
The following two tabs change content below.
Meus dois interesses principais: Livros e Música. Não tenho nenhum escritor favorito; Amo escrever. Prazer, esta sou eu.

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Categoria: Literatura Clássica, Literatura Nacional, Romance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *