Extraordinário, de R. J. Palacio

| 3 de março de 2016 | 3 Comentários

Capa do Livro: Extraodinário

     R. J. Palacio. Grave este nome para a vida. August Pullman também. Acho que nem preciso pedir, pois depois de ler Extraordinário, você vai ficar com esses nomes até o túmulo. Palacio é uma escritora americana que(por enquanto) só escreveu Extraordinário e alguns contos deste. Já August Pullman é um menino de dez anos que provavelmente é muito mais inteligente e corajoso que você(e eu também).
Auggie é um menino de dez anos comum. Por dentro. O garoto nasceu com uma série de deformidades faciais que lhe dão uma aparência “fora do comum”, para não dizer monstruosa. Até a metade do livro não temos uma descrição de como é o rosto de August mas ele conta as reações das pessoas quando o veem e isso já basta para termos uma ideia de como ele é.
Ele mora em Nova Iorque e pela primeira vez na vida vai para uma escola de verdade, entrará na quinta série e vai reafirmar o que o menino sabia a muito tempo: as pessoas podem ser cruéis. Mas calma. O livro não vai ser só tristeza, lágrimas e miséria. Há momentos felizes, bons, momentos que fazem seu coração sair pela boca e momentos que você tem vontade de dar um tapa em si mesmo por ser tão imbecil.
O livro não tem exatamente um clímax. Aquele momento em que tudo falado se encaixa e tem a grande explosão. Não. A história de August Pullman é simples, leve e extraordinária. Os capítulos são narrados alternados, começa com August, mas logo passa para os amigos e familiares. A obra de Palacio é perfeita e o jeito como escreve também é. Cada frase tem um significado novo e abre ainda mais nossos olhos. Você já leu alguma frase que deu vontade de arrancar do livro e colar na parede? Pois é, se fosse possível fazer isso, não existiria mais livro, ele estaria inteirinho nas paredes.
O único problema que tive com o livro foi este: acho que ele é perfeito demais. Tem horas que paramos para pensar “como raios um menino de dez anos pode ser tão inteligente?!”, tudo bem que ele lê O Hobbit e As Crônicas de Nárnia nessa idade mas fala sério, o garoto faz a maioria das pessoas parecer uma porta de tão burra.
Mas tudo bem, Extraordinário é lindo, perfeito, maravilhoso e se você não se convenceu pela resenha, leia mesmo assim. Se você comprar, ler e não gostar, tudo bem, pode me mandar o livro pelo correio que eu aceito mais uma edição. Ah, e tem um hospício aqui perto de casa, te passo o endereço.

VEJA TAMBÉM

A Bandeja – Qual pecado te seduz?, de Lycia ... A bandeja narra à história de (Angelina) e a nova vida que irá enfrentar como caloura na universidade e a difícil tarefa de conseguir manter firme sua fé. Aos 18 anos, Angelina de família tradicional com pais evangélicos, ver-se em uma nova fase de sua vida – sair de casa para morar na universida...
Dois Garotos se Beijando, de David Levithan Quando dois garotos decidem quebrar o mais novo recorde de beijo mais longo dado, isso acaba não afetando apenas eles, como também muitos outros adolescentes nos arredores. Dois garotos se Beijando é a história de alguns deles. Não é apenas um romance: É David Levithan. Dois Garotos se Beijando é um...
A mulher do viajante no tempo, de Audrey Niffenegg... Henry sofre de um distúrbio genético que o faz avançar ou retornar no tempo. Desde pequeno Henry aprendeu que nas suas viagens não poderia levar nada, nem mesmo roupas e teve que aprender a se adaptar aos diferentes momentos em que viajava no tempo, aprendendo truques como arrombar portas e roubar c...
The following two tabs change content below.

Natália Demétrio

Extraordinário. Mentirosos. Percy Jackson e o Ladrão de Raios. Três livros que (em minha nobre opinião) todas as pessoas do universo deveriam ler. Foi o terceiro livro que impulsionou minha paixão pela leitura e continuo até hoje. ^-^

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Categoria: Literatura Juvenil, R. J. Palacio

Comentários (3)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. edson disse:

    Não tem como não gosta do livro extraordinario e muito muito muito bom, ja li umas 3 vezes.

  2. Eduarda Gaisdorf disse:

    Me deixou com muuuita curiosidade para ler este livro, (VOU COMEÇAR LER HOJE MESMO) e tbm sua resenha foi muuuuito útil para elaborar a MINHA resenha no trabalho de leitura escolar. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *