Férias Interrompidas, de Waldomiro Manfroi

| 10 de agosto de 2014 | 0 Comentários

Capa Ferias Interrompidas“Férias Interrompidas” é um pequeno suspense de boa qualidade, escrito pelo médico Waldomiro Manfroi, brasileiro. O livro conta a história de um médico e não cita o nome do personagem durante toda a história. Em virtude da mesma profissão, das semelhanças psicológicas e da não citação do nome da personagem pode-se especular se o autor não viveu situação parecida em sua vida. Em “Férias Interrompidas” o tal doutor que não tem o nome citado é cardiologista como Waldomiro Manfroi, prestes a sair de férias com a família tem seus planos frustrados por um ataque do coração que acomete um deputado muito importante. Diante do imprevisto o médico resolve ficar na cidade e tratar do deputado enquanto manda sua mulher e os filhos na frente.
Acontece que na noite anterior a que deveria ele seguir para encontrar a família, está acontecendo uma festa de aniversário na casa de uma antiga amiga dele e da esposa, pela grande insistência da anfitriã e da esposa de sua amigo engenheiro Sandra ele resolve ir a festa. No final da festa o médico estranha que esteja bêbado, já que não costuma passar da conta. Sem poder dirigir ele aceita o convite de Sandra para que ela dirija e leve ele para casa. Só que uma forte tempestade atrapalha o caminho e ele acaba indo para casa de Sandra com quem passa a noite. no outro dia ele retorna para a sua casa e recebe um telefonema de Sandra dizendo que o marido está morto. O médico vai até o lugar em que se recusa a dar o atestado de óbito, mas acaba cedendo depois de uma cena que Sandra faz em frente aos amigos de ambos e com medo que ela fale sobre a noite que passaram juntos. Logo porém o médico recebe o telefonema de uma desconhecida falando que Sandra matou o marido e como médico do falecido é convidado a depor.

Em meio a desconfianças e sentimentos contraditórios o médico mente para a policia tentando evitar que venha a tona o fato de que ele traiu a esposa e se deixa ser envolvido mais e mais numa teia de mentiras, omissões e desconfianças, até que no fim do livro ele fica informado que Sandra o está tentando incriminar pela morte do amigo e paciente.

Livro bem elaborado e intrigante, do tipo que prende a atenção. O autor agrada os leitores leigos, mas tenho a impressão de que mais do que apenas um livro de ficção interessante “Férias Interrompidas” é uma espécie de aviso aos colegas de profissão de Waldomiro, sobre os riscos de se colocar as emoções na frente da razão em casos com envolvimento emocional do médico.

Outros Livros: Tempo De Viver, O Último Vôo, A Confissão do Espelho, Os Demônios do Lago e Médicos Escrevem.

Biografia: Waldomiro Manfroi nasceu em 6 de janeiro de 1937 em Nova Bréscia (RS). Diplomou-se bacharel em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) em 1965, com residência em Medicina Interna na Santa CASA, aperfeiçoou-se em Cardiologia e Laboratório de Hemodinâmica e foi auxiliar de ensino voluntário, sendo escolhido professor homenageado na colação de grau da turma médica de 1969 da Ufrgs. Em 1970, Manfroi foi contratado como auxiliar de ensino do Departamento de Medicina Interna da Faculdade de Medicina da Ufrgs. É especialista em Educação para a Área da Saúde pela Faculdade de Educação da Ufrgs. Possui título de Fellow in Cardiology, obtido no St. Josephs Hospital, de Syracuse, Nova Iorque, EUA, nos anos de 1973 e de 1974. Em 2007, o homenageado recebeu os títulos de Professor Emérito da Ufrgs e de Honra ao Mérito da Sociedade Brasileira de Cardiologia, pelo incentivo à pesquisa, e, em 2008, de Honra ao Mérito da Associação Brasileira de Educação Médica, pelos serviços prestados à educação médica brasileira. Em 2009, foi eleito e empossado na cadeira 30 da Academia Rio-grandense de Letras. Em 2010, assumiu a cadeira 58 da Academia Sul-Rio-Grandense de Medicina.

Audrei Bittencourt Maciel, Técnica Agrícola e Agropecuária, estudante de Ciência e Tecnologia dos Alimentos da UERGS, escritora nos blogs, Resenhas De Livros vinculado ao site Ler Livros Online e De Olho Em São Marcos e autora da page Ensino Em São Marcos no Facebook. Autora de “Normalidade” da série A Ceifeira.

VEJA TAMBÉM

As Moças De Missalonghi, de Colleen MacCullough Missy Writ é uma solteirona de 33 anos, que vive modestamente em Missalonghi, com a tia Otávia e a mãe Drussila Hulingford. Na cidade em que vivem próximo a Sidney na Austrália, quase todas as pessoas são membros do clã Hurllingford, sendo que todos herdam as riquezas passadas de seus antepassados....
Senhora, de José de Alencar Aurélia é uma moça simples e sem muitos recursos, porém esperta, que mora com seu irmão e sua mãe. Um dia seu irmão pega um resfriado e morre, sendo o único homem da família. A mãe de Aurélia então estipula que fique na janela esperando passar algum pretendente a casamento, para que isso melhore a s...
Estranha Memória, de Roberto Fonseca "Estranha Memória" me surpreendeu positivamente. É um livro que prende a atenção e que definitivamente deveria ser mais valorizado pelos gaúchos, bem como o autor Roberto Fonseca. E é um exemplo de como nós brasileiros devemos ser menos propagandistas com os trabalhos estrangeiros. Este livro tem um...
The following two tabs change content below.

Audrei Bittencourt

Sou uma pessoa diferente, temperamental, com gênio muito forte, divertida e inteligente, gentil e amiga. Tenho paixão por livros desde a primeira série do fundamental e leio pelo menos um por semana. Meus estilos preferidos são romance, terror, mistério e suspense. Autora de "Normalidade" da coleção " A Ceifeira". Técnica Agrícola e Agropecuária, estudante de Ciência e Tecnologia dos Alimentos da UERGS, escritora nos blogs, Resenhas De Livros vinculado ao site Ler Livros Online e De Olho Em São Marcos e autora de “Normalidade” da série A Ceifeira.

Últimas Postagens de Audrei Bittencourt (Ver todas as publicações)

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Categoria: Ficção, Literatura de Misterio, Literatura Nacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *