Coração de Tinta, de Cornelia Funke

| 10 de novembro de 2016 | 0 Comentários

coracao_de_tinta_1419085855411sk1419085855b“Meggie puxava com tanta impaciência que ele deu uma topada com o dedão do pé numa pilha de livros. E no que mais poderia ser?

Havia livros espalhados por toda a casa. Eles não ficavam apenas nas estantes, como na casa das outras pessoas. Não, ali eles se empilhavam debaixo das mesas, em cima das cadeiras, nos cantos do quartos. Havia livros na cozinha e no banheiro, em cima da televisão e dentro do guarda-roupa, pilhas pequenas, pilhas altas, livros grossos e finos, velhos e novos… livros. Eles acolhiam Meggie de páginas abertas na mesa do café da manhã, espantavam o tédio nos dias cinzentos – de vez em quando alguém tropeçava neles.”

                                                                       

Cornelia Funke,Coração de Tinta

Mortimer, ou melhor dizendo “Mo”, é um encadernador de livros que além de fazer um excelente trabalho possui um dom muito especial… ao ler em voz alta, dá vida as palavras, e coisas, seres, pessoas saem das suas histórias como num passe de mágica. E vem cá: Quem aqui nunca desejou isso?

Que maravilhoso seria se os seus personagens favoritos ganhassem vida, isso mesmo, saissem dos livros… pena que para Mo, Meggie, Dedo Empoeirado, Elinor essa fantasia não tenha sido tão boa assim…

Vamos a sinopse:

È que numa noite dessas, quando Meggie sua filha ainda era muito pequenina, a lingua encantada de Mo trouxe à vida alguns personagens de um livro chamado Coração de Tinta e acabou mandando para lá sua esposa.

Meggie cresceu sem saber absolutamente nada até que um dia aparece um estranho com roupas gastas tipo um artista de circo e no ombro carregando um bicho de estimação com chifres, em meio a muita, muita chuva.

Para Mo ele é um velho conhecido, o mesmo então é convidado a passar a noite lá, – afinal a muito o que conversar.

Na manhã seguinte Mo chega decidido e diz a Meggie que eles precisam viajar imediatamente, ela desconfia e acha tudo muito estranho, mas Mo informa que apenas iram fazer uma visita de trabalho para uma tia distante Elinor, uma bibliomaníaca como o pai, que nunca tivera outros filhos além do papel e tinta que vem dos seus próprios livros, e mais uma coisa: ela não gosta muito de crianças.

È o começo de uma aventura perigosa, cheia de acontecimentos impressionantes, reviravoltas imprevistas, aprendizado que com certeza, eu aposto que vai mudar para sempre a ideia que Meggie tem sobre os livros e suas histórias.

E a sua ideia? Será que vai mudar também?

Sobre a Autora:

Coenelia Funke nasceu em 1958, em Dorsten, na Alemanha, escritora especializada em literatura infanto-juvenil, já publicou mais de cinquenta livros para esse público, pelos quais recebeu diversos prêmios literários.

Este livros faz parte da Trilogia Mundo de Tinta – cujo primeiro volume, Coração de Tinta, adaptado para o cinema, tornou-se um Best-Sellers mundial, com milhões de exemplares vendidos.

Considerações Finais:

O filme também é muito bom, mais como sempre o livro é melhor, ele merecia ter continuação, assim como houve com o livro.

Eu ainda não li os outros dois, mas com certeza pretendo ler.

A Cornelia ela consegue nessa obra, despertar o nosso interesse pelos livros, tanto através da paixão que os seus personagens principais possuem como também através de passagens de outros livros…, isso mesmo: a cada capitulo ela coloca um breve dialogo de um outro livro, aguçando assim a nossa curiosidade…

“Meu bem – disse minha avó finalmente. – Você não está triste porque terá que continuar a ser um rato pelo resto da vida, não é?

– Para mim tanto faz – respondi. – Não tem a menor importância quem a pessoas é ou qual é a sua aparência, contanto que alguém a ame.”

                                                                                       Roald Dahl, As Bruxas

The following two tabs change content below.

Últimas Postagens de Lindaiá Campos (Ver todas as publicações)

Quer receber nossas atualizações por e-mail?

Nós podemos ajudá-lo a escolher sua próxima leitura.

Categoria: Uncategorized

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *