Arquivo para agosto, 2014

Férias Interrompidas, de Waldomiro Manfroi

10 de agosto de 2014 | Por | Resposta Mais
Férias Interrompidas, de Waldomiro Manfroi

“Férias Interrompidas” é um pequeno suspense de boa qualidade, escrito pelo médico Waldomiro Manfroi, brasileiro. O livro conta a história de um médico e não cita o nome do personagem durante toda a história. Em virtude da mesma profissão, das semelhanças psicológicas e da não citação do nome da personagem pode-se especular se o autor não viveu situação parecida em sua vida.

Leia Mais

O Ladrão De Almas, de Alma Katsu

8 de agosto de 2014 | Por | Resposta Mais
O Ladrão De Almas, de Alma Katsu

“O Ladrão De Almas” é um dos mais convincentes romances sobrenaturais que eu li ultimamente e com certeza agora já tenho um mocinho a quem odiar. O que é aquele Jonathan? Como é isso? O autor parece querer desconstruir toda a imagem dos mocinhos. Que cara inútil.

Leia Mais

O Xangô de Baker Street, de Jô Soares

8 de agosto de 2014 | Por | Resposta Mais
O Xangô de Baker Street, de Jô Soares

O Xangô de Baker Street nada mais é do que um livo no estilo de Sherlock Holmes e inclusive, tendo por personagem o famoso detetive, que vem ao Brasil a pedido do Imperador Dom Pedro, para resolver o caso do misterioso roubo de um valioso Stradivarius, furtado da Marquesa com quem tem uma “amizade especial”.

Leia Mais

Eleanor & Park, de Rainbow Rowell

1 de agosto de 2014 | Por | Resposta Mais
Eleanor & Park, de Rainbow Rowell

Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo.

Leia Mais